• Secom

Episcopado maranhense encerra visita Ad Limina

Os bispos do Regional Nordeste 5 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil estavam em Roma para a visita Ad Limina, desde o último dia 30 de maio




A primeira sexta-feira do mês de junho foi marcada por um clima de despedida dos bispos do Regional Nordeste 5 à Cidade do Vaticano, em Roma. Os bispos passaram cerca de cinco dias cumprindo a programação da visita Ad Limina Apostolorum.


O último dia da visita iniciou com os encontros dos bispos a quatro Dicastérios: Congregação para o Culto Divino e Disciplina do Sacramento; Congregação para a Educação Católica; Pontifício Conselho para a promoção da Nova Evangelização; e Congregação para o Clero.


“Estivemos durante todos esses dias reunidos com os colaboradores do papa Francisco, partilhando nossas esperanças, preocupações e dificuldades, e ouvindo as orientações de cada responsável desses organismos que governam a Igreja. Em todas essas reuniões eles sempre nos falavam que estavam a serviço do papa e dos bispos no mundo inteiro”, disse dom Sebastião Bandeira, bispo de Coroatá e presidente do Regional Nordeste 5.


O ponto alto da visita dos bispos foi sem dúvida o encontro com o papa Francisco. Segundo dom Sebastião, a experiência foi muito marcante para todos os bispos. “A visita ao papa foi uma experiência muito marcante para nós bispos. Nos escutou atentamente e a cada bispo ele dava o seu parecer, a sua opinião e ao mesmo tempo trazia os ensinamentos da Igreja demonstrando ser um homem de muita sabedoria e um homem cheio do Espírito de Deus. Foi assim um momento de sinodalidade, de escuta, de partilha e ao mesmo tempo demonstrava muito carinho a cada um de nós bispos”, lembrou.


Gratidão

Os bispos maranhenses: dom Evaldo Carvalho, bispo da diocese de Viana; dom Vilsom Basso, bispo da diocese de Imperatriz; e dom Valdeci Mendes, bispo da diocese de Brejo, enviaram mensagens de vídeo aos fiéis de suas respectivas dioceses agradecendo pelas orações e pela comunhão. Confira:






“Então, iremos voltar mais revigorados na nossa vontade de sermos uma Igreja mais próxima do povo, bem comprometida com os mais pobres e seguindo as orientações do papa quando ele disse que cada bispo deve ser muito próximo de Deus, rezando muito pelo seu povo. Muito próximo dos irmãos bispos, na importância da Conferência Regional e Nacional. Muito próximo dos seus colaboradores, dos padres, das irmãs, dos diáconos, e muito próximo do povo de Deus que precisa de pastores no meio deste povo. Agradecemos a Deus por essa bela oportunidade de termos vivido esses dias na cidade de Roma. Cidade marcante da nossa fé”, concluiu dom Sebastião.

A Santa Missa na Basílica Papal de São Paulo Fora dos Muros marcou o encerramento da visita dos bispos maranhenses à Roma.


Entenda

Segundo o Diretório da visita ‘Ad Limina’, a visita Ad limina Apostolorum é realizada por bispos que presidem na caridade e no serviço às Igrejas particulares em todo o mundo, em comunhão com a Sé Apostólica e tem um significado preciso, ou seja, o revigoramento da própria responsabilidade de sucessores dos Apóstolos e da comunhão hierárquica com o Sucessor de Pedro, e a referência na visita a Roma, ao túmulo dos Santos Pedro e Paulo, pastores e colunas da Igreja Romana. Ela é realizada a cada cinco anos.


Confira mais fotos, baixe e compartilhe:



198 visualizações0 comentário