• Secom

Em encontro, comunicadores do Maranhão promovem escuta, partilha e comunhão


Comunicadores estiveram reunidos de 17 a 19 de setembro em São José de Ribamar

Após o início da pandemia em março de 2020, os trabalhos pastorais nas diversas dioceses do país tiveram que ser suspensos. Já no segundo semestre de 2021, os projetos de evangelização retomam gradativamente. Neste ponto, encontra-se o retorno presencial do Encontro de Comunicadores do Regional Nordeste 5, embora com restrições de público, os participantes puderam ter seu momento de fortalecimento espiritual, troca de experiências e novos aprendizados.


“O Encontro Regional da Pascom NE5 foi um momento de encontro e reencontros, com a minha segunda participação. Pudemos partilhar algumas experiências vivenciadas neste tempo de pandemia, tempo que nos fortaleceu quanto ao desenvolvimento da missão da Pascom, que nos desafiou a utilizar dos recursos tecnológicos disponibilizados para realizar a missão a princípio nas diversas plataformas digitais”, afirmou Elsilene Lima, coordenadora da Pascom da Diocese de Grajaú.


Ocorrido em setembro, a participação ficou restrita aos coordenadores de Pascom das doze arqui(dioceses) do Maranhão, a saber: Caxias (3), Grajaú (4), Balsas (1), Coroatá (2), São Luís (5), Bacabal (2), Viana (2), Imperatriz (3) e Zé Doca (1). Houve ainda a transmissão de lives pelos canais oficiais da Pascom Maranhão para os comunicadores que não puderam comparecer presencialmente. Entretanto, o diferencial deste encontro foi a participação dos seminaristas que são responsáveis pela comunicação das suas casas formativas.


E este diferencial chamou atenção de Elsilene. “O envolvimento neste ano da presença dos seminaristas foi também uma iniciativa de experiência marcante, e isso demonstra que a missão da Pascom está além de um trabalho somente de divulgação e produção, mais de comunhão, de partilha e interação pastoral”, disse.


Seminaristas em roda de conversa com o jornalista Ricardo Alvarenga

No encontro, os seminaristas puderam refletir sobre o serviço de comunhão, com vistas para a Pascom nas paróquias, com a assessoria do jornalista Ricardo Alvarenga. Dessa forma, gerou-se uma maior proximidade entre os seminários e a Pascom Regional.


Toda a dinâmica do encontro foi pensada de forma a contemplar os quatro eixos da Pastoral da Comunicação: Articulação, Produção, Formação e Espiritualidade. Além de momentos de partilha das dioceses, promovendo um Processo de Escuta entre os comunicadores e a atual coordenação da Pastoral da Comunicação do Regional Nordeste 5.


Participante de primeira viagem, a vice-coordenadora da Pascom da Diocese de Coroatá, Auzenir de Souza, destacou o conhecimento dos profissionais que ministraram as oficinas, permitindo que as mesmas fossem um espaço de aprendizado necessário ao fazer do dia a dia da Pascom. “Foi o primeiro em nível regional que participei. Foi uma experiência incrível que me revelou novas experiências, novos caminhos. As oficinas me ajudarão muito no fazer diário da Pascom, a fortalecer a nossa base pastoral, desta forma, fortalecerá a evangelização em nossa diocese”, relatou.


Os participantes realizaram uma votação para escolher a próxima diocese que sediará o Encontro Regional da Pascom Maranhão de 2022. E, por decisão da maioria, a Diocese de Coroatá foi escolhida e ovacionada pelos presentes. A coordenação de Coroatá mostrou-se muito feliz pela escolha.

Raimunda e Auzenir, representantes da Diocese de Coroatá

“Será um ano de preparação, trabalho e muito aprendizado para que possamos acolher, da melhor maneira possível, os nossos visitantes. Coroatá se alegra. E até o momento a Pascom diocesana se insere e se fortalece a partir das pascom’s paroquiai

s, pois muitas emergiram a partir da pandemia e outras se fortaleceram neste momento de crise sanitária pelo qual passamos”, disse Auzenir.


Com data já definida de 26 a 28 de agosto de 2022, o próximo Encontro Regional de Comunicadores acontecerá em Coroatá, e faz uma ligação entre os santuários maranhenses de São José de Ribamar e São Raimundo dos Mulundus, sendo o eixo espiritualidade o principal foco deste encontro.


Vale lembrar que um marco importante neste encontro, segundo a coordenação da Pascom Regional, será o processo de mapeamento dos meios de comunicação de inspiração católica da Igreja no Maranhão e também das pastorais nas paróquias (dioceses), que pretende ser finalizado ainda este ano.


“Agradeço às dioceses pela vivência, o processo formativo, e, também de escuta, criou-se novos caminhos para a comunhão pastoral. Neste tempo, um caminho de partilha é percorrido com vistas à comunicação planejada e de resultados”, evidenciou o coordenador Regional da Pascom, Paulo Victor.


Bispo Referencial

Com a aposentadoria de dom José Belisário, a comunicação do Regional ficou sem um bispo referencial. Entretanto, durante a última privativa dos bispos do ano, eles escolheram dom Gilberto Pastana para ser o novo bispo referencial para a Pastoral da Comunicação no Maranhão.


“Primeiro agradecer a confiança que os bispos estão colocando na minha pessoa para ser esse bispo referencial no que tange a Pastoral da Comunicação no Regional. É importante nós pensarmos na Pastoral da Comunicação do Regional e no Regional, são dois momentos importantes, e é claro que não se faz isso sem organização, toda pastoral ela tem que ser organizada, e, para isso, sem dúvida, é muito importante a participação das dioceses, através de sua Pastoral da Comunicação”, pontuou dom Gilberto.


Após o encontro da Pascom Maranhão, a comunicação regional voltou as atenções para a privativa dos bispos, para a eleição do novo referencial. “Ficamos felizes com a eleição de dom Gilberto Pastana, sua chegada é oportuna quando do processo de retomada das atividades e planejamento pastoral”, afirmou Paulo Victor.


Assim, o próximo passo da comunicação no Regional é alinhar as atividades, junto ao bispo referencial, e dar continuidade ao trabalho de evangelização da Igreja no Maranhão, através da Pastoral da Comunicação.




95 visualizações0 comentário