Regional Nordeste 5 se prepara para celebrar Corpus Christi

Devido à pandemia da Covid-19, muitas paróquias realizarão várias celebrações durante este 03 de junho, e que será marcado ainda por adorações ao Santíssimo Sacramento


Da Redação, com a colaboração da

Pascom da Diocese de Imperatriz


Instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de setembro de 1264, a Festa de Corpus Christi traduz todo o sentimento de fé e esperança no poder da Santa Eucaristia. Todos os anos, após Pentecostes, as comunidades paroquiais celebram a festa do Corpo e Sangue de Cristo com grandes procissões e a confecção dos tradicionais tapetes.


Com a pandemia do novo Coronavírus, pelo segundo ano consecutivo, a grande festa que antes era realizada com a presença de centenas de fiéis em todas as dioceses do país, hoje se limita e se restringe a um pequeno grupo presencial e a realização de ao menos duas celebrações neste dia nas paróquias, a fim de que mais pessoas possam participar.


No Regional Nordeste 5, as dioceses e a arquidiocese celebrarão conforme a realidade de cada local para garantir a segurança dos fiéis, neste dia 03 de junho (quinta-feira).


Arquidiocese de São Luís

Na Arquidiocese de São Luís, a Festa de Corpus Christi inicia com a Santa Missa solene, às 10h, no Santuário de São José de Ribamar. Devido à pandemia, a celebração será transmitida pelo canal da TV Nazaré 43.1, Rádio Educadora, e pelos canais no YouTube da Arquidiocese de São Luís e do Santuário de Ribamar.


O tema escolhido para este ano é "Eucaristia, vida e missão. Para todas as fomes: pão". Segundo a organização do evento, a proposta é impulsionar uma atitude concreta diante das dificuldades do momento atual.


Neste sentido, a Solenidade de Corpus Christi 2021, está em consonância com a Ação Solidária Emergencial “É tempo de Cuidar”, uma iniciativa da CNBB e Cáritas Brasileira, que tem o objetivo de contribuir no combate a fome no Brasil, ajudando famílias em situação de vulnerabilidade, diante da pandemia de Coronavírus.


Após a celebração, haverá a live show “É Tempo de Cuidar” com transmissão pelo canal no YouTube da Arquidiocese de São Luís, direto do Santuário de Nossa Senhora de Nazaré. A live show terá a presença de diversos cantores maranhenses, que doaram seu cachê em prol da Ação Solidária Emergencial. Tudo o que for arrecadado na live será utilizado para a aquisição de cestas básicas para serem doadas às paróquias da Arquidiocese de São Luís.


Na Diocese de Imperatriz


Pelo segundo ano consecutivo, na Diocese de Imperatriz, não acontece a Solenidade de Corpus Christi no estádio Frei Epifânio da Abadia, onde tradicionalmente se reuniam mais de 20 mil pessoas nas arquibancadas, no gramado e nos arredores do estádio. Por causa da pandemia da Covid-19, a celebração passou a ser feita nas paróquias para não gerar aglomeração.


No último sábado, 29 de maio, aconteceu o tradicional Passeio Ciclístico de Corpus Christi. Os fiéis percorreram ruas e avenidas das 16 cidades na área de abrangência das 32 paróquias. Vestidos de azul, cor do kit deste ano, eles anunciaram a celebração desta quinta-feira, que por força de uma Lei Municipal e de uma Lei Estadual se torna feriado municipal em Imperatriz e feriado em todo o Maranhão.


Em todas as paróquias da Diocese de Imperatriz, haverá missas e bênçãos com o Santíssimo no sistema drive-thru.


Foto: Diocese de Imperatriz

Na Catedral de Fátima, a partir das 08h, Dom Vilsom Basso se revezará com o vigário geral da diocese, padre Eliezer Paiva, e com o chanceler diocesano Laérsio Machado, nas celebrações e na benção aos fiéis do alto da sacada da Catedral.


Um apelo do bispo e dos padres é que os fiéis, se possível, levem uma cesta básica. A exemplo do que aconteceu no ano passado, quando mais de 6 toneladas foram arrecadadas. Todo alimento será doado a famílias carentes.


Os primeiros a serem beneficiados com o gesto concreto da celebração que reflete o tema: “Pão em todas as mesas” serão famílias indígenas que vivem na periferia de Imperatriz. O desejo de Dom Vilsom Basso é começar a entrega logo na manhã de sexta-feira, 04. Para o bispo, além de ajudar a saciar a fome de quem tem pressa, a entrega é também uma prestação de contas à solidariedade das pessoas.


Diocese de Balsas


Na Diocese de Balsas, as celebrações serão às 07h e às 19h, com adoração às 08h e às 15h.


Diocese de Caxias


Na Diocese de Caxias, a celebração será às 17h, com transmissão pelo YouTube Mensagem de Fé Padre Ribamar e pela Rádio Vida FM 89,7.

21 visualizações0 comentário