top of page
  • Secom

Festejo de São José de Ribamar é Patrimônio Cultural Imaterial do Maranhão


Durante reunião de Avaliação da Salvaguarda de Bens Registrados, realizada na Casa do Tambor de Crioula, no Centro de São Luís (MA), na última quinta-feira (04), o Conselho Consultivo do Patrimônio Imaterial do Maranhão declarou o Festejo de São José de Ribamar como Patrimônio Cultural Imaterial do Maranhão.


O Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, instituição ligada ao Departamento de Patrimônio Imaterial do Estado, para as questões relativas ao patrimônio maranhense imaterial. E, por unanimidade, decidiu que o Festejo de São José de Ribamar é patrimônio cultural imaterial do estado do Maranhão, por carregar a identidade, a história e a memória vinculada à devoção e fé do povo maranhense.


Estiveram presentes na reunião e contribuíram com essa decisão:  o vice-governador do Maranhão, a Felipe Camarão; gestores de cultura e membros do Conselho Consultivo: Sebastião Cardoso (Secretaria de Estado de Igualdade Racial - Seir), Amélia Cunha (Secretaria de Estado da Cultura – Secma), Lilian Brito (Comissão Maranhense de Folclore), José Marcelo do Espirito Santo (Conselho Estadual de Cultura – Consecma), Rafael Bezerra Gaspar (Instituto do Patrimônio Histórico e Nacional – Iphan), Antonio Evaldo Almeida Barros (Universidade Estadual do Maranhão – Uema); e o professor e paroquiano do Santuário de São José de Ribamar, Mauro Jorge, que foi o grande colaborador para essa aprovação.


A partir dessa aprovação, o Governo do Estado do Maranhão vai criar medidas para assegurar a continuidade, manutenção, e proteção do festejo, dessa prática cultural religiosa, por meio de ações de salvaguarda, que são políticas públicas de preservação, promoção e fortalecimento desse festejo.



Bens Culturais

Esses eventos reúnem detentores dos bens culturais imateriais registrados e gestores de ações de salvaguarda desses bens, desenvolvidas por organizações governamentais e não governamentais. Salvaguardar um bem cultural de natureza imaterial é apoiar sua continuidade de modo sustentável, atuar para melhoria das condições sociais e materiais de transmissão e reprodução que possibilitam sua existência.


No Maranhão são registrados como patrimônio Cultural Imaterial: O Tambor de Crioula, complexo Cultural do Bumba meu boi, Roda de Capoeira e ofício de mestre de capoeira, que são protegidos por todos os estados brasileiros.

 

43 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page