• Secom

Dom Xavier Gilles: sua vida e obra missionária recebe homenagem em forma de livro


Foto: João Patente

Dom Francisco Xavier Gilles, bispo emérito da diocese de Viana, recebeu uma homenagem em forma de livro no último dia 22 de setembro, em São Luís. O título “Chamado: Vida e vocação missionária de Dom Xavier” é uma narrativa do escritor e jornalista Wilson Marques sobre a trajetória de vida e missão do sacerdote francês em terras maranhenses.


A cerimônia de lançamento foi realizada no auditório do Seminário Santo Antônio, da Arquidiocese de São Luís, e contou com a presença dos bispos do Maranhão, que estavam reunidos nesta semana na arquidiocese, por conta da reunião privativa dos bispos.

Foto: João Patente

Dom Sebastião Bandeira, bispo de Coroatá e presidente do Regional Nordeste 5, utilizou a palavra para destacar a missão de dom Xavier no Maranhão.


O livro foi escrito pelo jornalista Wilson Marques, com prefácio do ex-presidente José Sarney. Segundo Wilson Marques, foi uma ideia dos amigos de dom Xavier, José Costa e Késsio Rabelo, que além de ser uma homenagem, o livro conta a história recente da Igreja do Maranhão. “Fui convidado a fazer esse trabalho. Fiz com muito carinho, conheci pessoas, e desde minha adolescência ouvia falar do padre Xavier que era tão engajado, com uma história tão rica. Foi um prazer”, disse o escritor.


A publicação conta com depoimentos de pessoas que atuaram pastoralmente ao lado de dom Xavier, como moradores da comunidade do Bom Fim, em São Luís. “D. Ideilda, moradora da Vila Dom Xavier, que foi uma ocupação que quando começou teve uma repressão muito violenta, e com muita coragem dom Xavier foi lá e defendeu os interesses daquelas pessoas que não tinham teto e hoje a gente passa lá e tem um bairro muito bem estruturado com pessoas que estão lá desde o início dessa luta”, lembra Wilson Marques ao frisar alguns trechos do livro.


“Vale a pena a leitura. Espero que esse registro contribua para conhecer a história desse grande homem que é dom Xavier, a conhecer a história recente da Igreja no Maranhão, e um pouco dessas lutas sociais no Estado do Maranhão”, finaliza o jornalista.


O livro foi esgotado já no lançamento, mas em breve uma nova tiragem será entregue às livrarias da cidade. Todos os recursos adquiridos com a venda da obra serão destinados ao Seminário Santo Antônio.


Foto: João Patente


Trajetória


Dom Xavier, nascido na França em 1935, tem sua atuação destacada na luta pelos Direitos Humanos. Quando diácono, sentiu-se chamado a ser missionário. Foi ordenado sacerdote em 1962. Veio para o Brasil no mesmo ano de sua ordenação. .


Em 1971, o religioso foi preso pelo regime militar acusado de comunismo. “A fé, o testemunho e a mensagem de Jesus Cristo invertem os valores da sociedade. A sociedade se firma nos valores ter, poder e prazer. E Jesus disse: ‘Seja misericordioso, acolhe o teu irmão, liberta o pobre das cadeias da escravidão’. Havíamos recebido da igreja uma missão. Não havia, portanto, como parar uma missão recebida por nós sacerdotes só por medo”, disse dom Xavier.


Nomeado bispo auxiliar de São Luís (MA) em 1995, permaneceu no cargo até 1998, quando foi nomeado bispo da diocese de Viana. Dom Xavier foi também vigário geral da arquidiocese de São Luís e moderador da Cúria. No interior, dedicou-se ao trabalho com as Comunidades Eclesiais de Base (CEBs).

66 visualizações1 comentário