top of page
  • Secom

Rádio Educadora 560 AM comemora 57 anos de fundação



O dia era 12 de junho, o ano era de 1966, quando ia ao ar a primeira transmissão da rádio Educadora 560 AM, com o objetivo de difundir a cultura e a educação popular na zona rural maranhense. Ao longo do tempo, a Rádio vem superando os desafios e mantendo-se fiel ao seu objetivo, potencializando ainda através das ondas do rádio a evangelização. Em 2023, a Rádio Educadora 560 AM completa 57 anos de existência.


O dia foi celebrado pela equipe da Rádio com santa missa presidida por padre Cláudio Roberto, diretor geral da Rádio Educadora, e concelebrada por padre Guto Feitosa, diretor de jornalismo e programação, com a participação dos colaboradores; e também pelos ouvintes que enviaram mensagens parabenizando à Rádio Educadora por esta importante data.


“Desde o começo da manhã, diversos ouvintes, de várias cidades, estão mandando suas mensagens de texto, de voz, parabenizando a rádio por ter, por ser, por continuar sendo uma voz profética na sociedade. Bem como os próprios colaboradores, os parceiros da rádio, as paróquias, os sindicatos, as organizações sociais, movimentos sociais e pastorais da Igreja”, afirmou Matheus Coimbra, jornalista e âncora do programa Roda Viva.


A Rádio está se preparando para a migração de AM para a FM. Essa migração visa fortalecer as emissoras de rádio que hoje são prejudicadas pelo abandono do dial AM. O decreto foi assinado pela ex-presidente da República, Dilma Rousseff, em 7 de novembro de 2013. Além dessa migração, já é uma realizada para a rádio sua presença nas plataformas digitais.


“Completando cinquenta e sete anos em sua missão de evangelizar, construir cidadania, promover o reino de Deus, ligar as pessoas no campo e na cidade. Começamos usando apenas o dial no espectro AM canal quinhentos e sessenta e hoje também no aplicativo da rádio, na internet, no site, nas redes sociais digitais e nos preparamos para em breve passarmos para um novo espectro, o espectro FM mas sempre com a mesma emissão, construir o rei de Deus, ser uma rádio católica de referência, formar bons comunicadores, promover a interação entre as pessoas, geraram a sociedade mais justa e menos desigual”, pontuou padre Guto Feitosa.


Padre Guto aproveita a oportunidade para agradecer a todos os ouvintes e apoio dos bispos do Regional Nordeste 5. “Agradecer e saudar todos os ouvintes que nos honram, nos alegram com sua companhia, com sua audiência, com sua presença, com seu afeto. O Clube dos Devotos de São José, que além de tudo também nos ajudam, partilham conosco para manutenção da rádio que evangeliza. Todas as paróquias que nos apoiam, as pastorais. Uma saudação especial a todos os bispos que de modo particular apoiaram, apoiam, incentivam a nossa rádio, os Bispos do Maranhão. Dom Gilberto, agora mais recente, nosso arcebispo. Mas, também Dom Belisário, nosso bispo emérito. Dom Esmeraldo que esteve conosco. Dom Paulo Pontes em saudosa memória. Dom Mota, Dom Delgado, e tantos também padres e diáconos homens e mulheres, missionários, congregações, todos os diretores que passaram pela nossa Rádio na pessoa do nosso diretor atual, padre Cláudio Roberto. Então, parabéns Rádio Educadora. Viva a rádio Educadora, louvado seja Deus pelo teu passado seja Deus pelo teu presente, pelo teu futuro promissor a rádio do povo de Deus que em breve será a nova FM católica da Ilha do Amor. Rádio Educadora, é da Igreja do Maranhão”, agradeceu.

23 visualizações0 comentário
bottom of page