top of page
  • Secom

Em defesa da vida, agentes da Pastoral Familiar realizam Semana da Vida no Maranhão



A Igreja Católica em todo o país vivenciou na última semana, do dia 1º a 7 de outubro, a Semana Nacional da Vida. A Semana foi finalizada com o Dia do Nascituro, no último domingo, dia 08. A iniciativa é da Comissão Episcopal para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), por meio da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF).


Para este ano, o tema escolhido foi “Adoção – amor com laços do coração”, com objetivo de mostrar que a adoção é um presente generoso que Deus plantou no coração de famílias que acolheram em suas vidas outras vidas e compartilharam seus corações.



No Regional Nordeste 5, a iniciativa cresce a cada ano, e nesta edição as dioceses realizaram diversas atividades como encontros de reflexão, missa, terço luminoso, panfletagem e visitas à maternidade.


Diversas ações


Em São Luís, os agentes ampliaram as ações, e foram além dos encontros de reflexão nas casas; visitaram o seminário arquidiocesano, maternidades, e ainda rezaram o terço luminoso em uma praça pública.


Durante a manhã do último sábado, 07 de outubro, uma parcela dos agentes da Pastoral Familiar da Arquidiocese de São Luís visitaram a maternidade Nossa Senhora da Penha, no bairro Anjo da Guarda. Na ocasião, conversaram com a direção da unidade, levaram fraldas descartáveis para doar aos recém nascidos e abençoaram as gestantes presentes na unidade.



Dia do Nascituro

Celebrações foram realizadas nas Igrejas do Maranhão como uma grande prece à favor da vida. E nas avenidas de São Luís, os agentes realizaram pedágio com entrega de panfletos em favor da vida.


“Só temos a agradecer o empenho dos casais forâneos e especialmente a todos os agentes pastorais, que deixaram um pouco do seu domingo para servir ao Senhor, numa manifestação em defesa da Vida. Que Deus abençoe a todas as famílias. E que o direito à vida prevaleça sempre!”, declarou Rosi Calácio, da Comissão Arquidiocesana da Pastoral Familiar.


Ariana Frós - Comunicação Regional NE 5.

15 visualizações0 comentário
bottom of page