• comunicacao472

Diocese de Zé Doca promove retiro quaresmal para presbíteros

Por Diocese de Zé Doca

Com colaboração da Redação

Clero de Zé Doca em retiro quaresmal 2021


Entre os dias 22 e 26 de fevereiro, os presbíteros da diocese de Zé Doca estiveram em retiro, ocorrido no Centro Diocesano São João XXIII. O tema proposto O presbítero: pessoa, missão e espiritualidade foi assessorado pelo padre diocesano Cláudio Roberto, da Arquidiocese de São Luís, reitor do Santuário São José de Ribamar.


Padre Cláudio Roberto

Padre Cláudio propôs refletir a partir do Jesus histórico, as dimensões espirituais que agregam à pessoa do presbítero. Em destaque a figura do Bom Pastor, que configura e identifica o padre diocesano.


Na programação, a Liturgia das Horas, a celebração da santa missa, a oração do terço mariano, a via-sacra, a adoração ao Santíssimo Sacramento e as confissões. Após o encerramento do retiro, houve programação fraterna entre os presbíteros.


Retiro quaresmal


O retiro anual dos presbíteros, além de ser uma obrigação canônica, como está previsto pelo Código de Direito Canônico, cânon 276 § 2, 4º - é também uma oportunidade para o crescimento espiritual dos padres e para reforçar a unidade e fraternidade na missão de pastorear o povo de Deus, na Igreja particular de Zé Doca, em comunhão com o seu bispo diocesano, Dom João Kot.


A quaresma é sobretudo um tempo favorável, é um convite oportuno a um êxodo espiritual para o deserto: para rezar, refletir e renovar a fé, o compromisso vocacional e ministerial assumido na ordenação sacerdotal, por isso, o padre, o bispo, devem ter um encontro pessoal com Cristo. O retiro é este caminho de encontro particular e comunitário.


Uma mensagem


Como descrito pelo Papa Bento XVI na Carta por ocasião da Proclamação do Ano Sacerdotal, em 16 de junho de 2019, os sacerdotes são "um grande dom não só para a Igreja, mas também para a própria humanidade". E ainda, os presbíteros são anunciadores da Palavra de Deus, educadores do Povo de Deus na fé e na moral da Igreja, por isso, o "empenho de renovação interior de todos os sacerdotes para um seu testemunho evangélico mais vigoroso e incisivo".


26 visualizações0 comentário