• Secom

Concluído o X Encontro Mundial das Famílias: momento de graça



Foi concluído, no sábado, 26 de junho, o X Encontro Mundial das Famílias com a missa, que teve a presença do Papa Francisco, e o envio das famílias. Na ocasião, foi anunciada a realização do Jubileu das Famílias, em Roma, durante o Jubileu de 2025, e do XI Encontro Mundial das Famílias, em 2028, em local ainda a ser definido.


Para o casal coordenador nacional da Pastoral Familiar, Luiz e Káthia Stolf, o evento foi “momento de graça, de alegria e de confraternização entre as famílias do mundo inteiro”. Eles consideraram uma alegria estar em Roma e sentiram-se privilegiados por participarem dos momentos com a presença do Papa Francisco.


“Nos sentimos na obrigação de que tudo aquilo que recebemos aqui, num futuro próximo, podermos estarmos partilhando tudo com vocês”, disse Luiz, manifestando o desejo de que as partilhas e apresentações oferecidas durante o Congresso Teológico Pastoral possam chegar às dioceses e regionais do Brasil.


“Também queremos agradecer o trabalho de cada um aí no Brasil que está fazendo esse encontro mundial também acontecer aí. Aqui, estamos recebendo muita coisa boa e queremos partilhar com vocês”, disse Káthia.


O X Encontro Mundial das Famílias contou o Festival das Famílias; três dias de reflexões, testemunhos e palestras, no Congresso Teológico Pastoral; e a missa de conclusão e envio. Tudo isso iluminado pelo tema “Amor em família: vocação e caminho de santidade”.


A cada dia, momentos de “graça e aprendizado no congresso, com testemunhos maravilhosos de famílias que lutam para buscar a santidade no dia a dia da família”, segundo o casal coordenador da Pastoral Familiar no Brasil.


No encerramento do evento, a missa presidida pelo prefeito do Dicastério para os Leigos, a Família e a Vida, cardeal Kevin Farrell, e com a presença do Papa Francisco, que fez a homilia.


Ano Família Amoris Laetitia


O cardeal recordou o encerramento do Ano Família Amoris Laetitia, convocado pelo Papa ao final de 2020, e realizado entre março de 2021 e este domingo, 26 de junho.


“Um ano que deu novo impulso à pastoral familiar nas dioceses de todo o mundo: em todos os lugares, Santo Padre, bispos, sacerdotes e leigos trabalharam com entusiasmo e dedicação para escutar as necessidades concretas das famílias e rever metodologias e conteúdos do trabalho pastoral. Há agora uma necessidade urgente de um compromisso renovado, no qual pastores e famílias bem formados saibam trabalhar juntos para serem mais eficazes na tarefa de acompanhar crianças, jovens, cônjuges e famílias inteiras nos desafios morais e espirituais das sociedades de hoje. Servem corresponsabilidade e uma concreta e efetiva comunhão eclesial”.


Envio


Ao final da celebração desse sábado, foi realizado o envio missionário das famílias que participaram, em nome das famílias do mundo, no Congresso Teológico-Pastoral, no Vaticano, e a todas as famílias presentes na Missa. O convite é levar a todos o anúncio libertador do Evangelho e que sejam semente de um mundo mais fraterno.


Eis as palavras do mandato pronunciado pelo Papa Francisco:


Queridas famílias,

convido vocês a continuarem o caminho escutando o Pai que chama vocês:

tornem-se missionários nos caminhos do mundo!

Não caminhem sozinhos!

Vocês, jovens famílias, busquem ser guiadas por quem conhece o caminho,

vocês que estão mais à frente, tornem-se companheiras de viagem para os outros.

Vocês que estão perdidos por causa das dificuldades,

não se deixem vencer pela tristeza,

confiem no amor que Deus colocou em vocês,

supliquem ao Espírito todos os dias para reavivá-lo.

Anunciem com alegria a beleza de ser família!

Anunciem às crianças e aos jovens a graça do matrimônio cristão.

Deem esperança a quem não a tem.

Ajam como se tudo dependesse de vocês,

sabendo que tudo deve ser confiado a Deus.

São vocês a “costurar” o tecido da sociedade e de uma Igreja

sinodal, que cria relações, multiplicando o amor e a vida.

Sejam sinal do Cristo vivo,

não tenham medo do que o Senhor pede a vocês,

nem de serem generosos com Ele.

Abram-se a Cristo, ouçam-no no silêncio da oração.

Acompanhem os mais frágeis

cuidem dos solitários, refugiados, abandonados.

Sejam a semente de um mundo mais fraterno!

Sejam famílias com um coração grande!

Sejam o rosto acolhedor da Igreja!

E por favor, rezem, rezem sempre!

Que Maria, nossa Mãe, socorra vocês quando não houver mais vinho,

seja um companheiro no tempo do silêncio e da provação,

ajude vocês a caminhar junto com seu Filho Ressuscitado.


Envio das famílias feito pelo Papa Francisco ao final do X Encontro Mundial das Famílias


Texto de Luiz Lopes

5 visualizações0 comentário