top of page
  • Secom

Comissão Regional dos Presbíteros realiza 10º Encontro de Novos Padres do Maranhão



Entre os dias 05 e 08 de fevereiro aconteceu no Centro de Retiro Oásis, em São Luís, o 10º Encontro Regional dos Padres Novos. Este ano, o encontro teve como tema “Presbíteros: Testemunhas da Esperança” e lema "Alegres na Esperança, perseverantes na tribulação, constante na oração" (Rm 12, 12). Sendo assessorado por dom Benedito, bispo de Guajará-Mirim (RO) e presidente do Regional Noroeste da CNBB.


Ao todo, participaram 42 padres representando dez das 12 (arqui)dioceses do Regional Nordeste 5. Participaram também os bispos: dom Sebastião Bandeira, bispo da diocese de Coroatá e referencial para os ministérios ordenados; e dom Sebastião Duarte, bispo da diocese de Caxias do Maranhão e referencial para a liturgia e CEBs.


O Encontro foi assessorado por dom Benedito, bispo de Guajará-Mirim (RO) e presidente do Regional Noroeste da CNBB.

No Encontro Regional de Padres Novos, participam padres de até 10 anos de ordenação sacerdotal e é organizado pela comissão dos ministérios ordenados e pela comissão regional dos presbíteros. “Foi uma alegria ver estes sacerdotes cheios de entusiasmo, esperança e com muitos valores”, afirmou dom Sebastião Bandeira.


Como de costume, a comissão escolhe uma paróquia da arquidiocese para celebrar junto com a comunidade, e foi assim que na terça-feira (6), padres e bispos celebraram a Santa Missa com os fiéis na igreja Nossa Senhora de Fátima, da paróquia São João Batista de Vinhais.


Esperança e Oração

O tema do encontro “Presbíteros: Testemunhas da Esperança” tendencia à temática central do Jubileu da Esperança. E foi esse sentimento “esperança” que chamou atenção de dom Sebastião Bandeira:


“O próprio encontro foi motivo de esperança de ver a nossa Igreja, que tem futuro quando surgem tantos filhos da terra que querem dar o melhor de si para o nosso povo”, disse.

E concluiu deixando uma prece aos novos padres e vocacionados: “Louvo e agradeço a Deus por este acontecimento que mostra a vitalidade da nossa Igreja e ação do Espírito Santo no meio de nós. Rezemos para que nunca faltem vocações santas e saudáveis no nosso meio”.

15 visualizações0 comentário
bottom of page