top of page
  • Secom

Através do Projeto Igrejas Irmãs, São Luís recebe visita do arcebispo italiano, dom Paolo Giulietti


Ao chegar em terras ludovicenses, dom Paolo (ao centro) foi recebido por dom Gilberto Pastana, arcebispo de São Luís do Maranhão.

Dom Paolo Giulietti, arcebispo de Lucca, Itália, esteve em visita pastoral ao território da Arquidiocese de São Luís do Maranhão, de 10 a 14 de agosto. Neste período, dom Paulo conheceu as instalações da cúria metropolitana; da Rádio Educadora Am 560 (que pertence à arquidiocese); visitou paróquias e celebrou com a Igreja ludovicense; além de conhecer os projetos sociais realizados na arquidiocese.


Junto ao epíscopo, jovens missionários italianos somam-se à missão no território da arquidiocese, mais precisamente na Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem. Os jovens ficarão em São Luís até o próximo dia 25 de agosto.


Visita Pastoral



Enquanto esteve em São Luís dom Paolo visitou a Paróquia da Boa Viagem; o Convento das Irmãs da Redenção, na Vila Embratel; a Paróquia São Maximiliano Kolbe, no Vinhais, que celebrou junto à comunidade seus nove anos de ordenação espiscopal (foto abaixo).

Dom Paolo celebrou seus 09 anos de ordenação episcopal na Paróquia São Maximiliano Kolbe, no dia 10 de agosto. Foto: Pascom São Maximiliano Kolbe/Gabriel Aquino

Em seguida, acompanhou a realização de uma ação social com distribuição do "Sopão das Graças". Uma ação realizada pela comunidade Nossa Senhora das Graças e São José, pertencente à Paróquia São Maximiliano Kolbe, que visa distribuir sopa às pessoas em situação de rua no Centro de São Luís e também nos hospitais.



Dom Paolo participou ativamente da ação social "Sopão das Graças. Fotos: Pascom São Maximiliano Kolbe


No sábado (12), às 9h, o epíscopo esteve na Paróquia Nossa Senhora da Luz, em Paço do Lumiar, e na Paróquia Santíssima Trindade, bairro Cidade Olímpica.


No domingo (13), dom Paolo concelebrou com dom Gilberto Pastana, na Catedral Nossa Senhora da Vitória; e conheceu o Santuário de São José de Ribamar, padroeiro do Maranhão.


Após cumprir sua programação na cidade de São Luís, dom Paolo seguiu para Rio Branco, na segunda-feira (15).


Os jovens permanecem sua missão nos bairros Rio Grande, Quebra Pote, Itaguara e Pedrinhas, até o próximo dia 25 de agosto.


Igrejas Irmãs

O Projeto Igrejas Irmãs, criado em 1972 pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), envia leigos, padres e religiosos em missão para todo o Brasil. A iniciativa é uma forma de solidariedade e de comunhão entre as Igrejas, onde uma diocese olha para as necessidades de outra e se dispõe a ajudar.


Com informações de Assessoria de Imprensa da Arquidiocese de São Luís do Maranhão.

83 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page